#28 Podemos correr todos os dias?


Correr é um esporte maravilhoso em que rapidamente o praticante quer mais e mais distâncias, intensidades, melhorar marcas, se superar. Isso porque a sensação de bem estar causada por substâncias liberadas com a prática esportiva nos fazem sentir muito bem. Para iniciantes na prática da corrida sempre surge a dúvida: podemos correr todos os dias?

Para responder essa pergunta devemos pensar principalmente em 2 áreas: nas questões mecânicas e nas questões fisiológicas.

Fisiologicamente cada treino precisa de um determinado período de recuperação e a grande questão em relação a isso é distribuir durante sua semana os diversos tipos de treino, respeitando as suas características de volume, intensidade e necessidades de recuperação após a execução. Exemplo: um treino de tiro demora entre 48 a 72h para que o corpo se recomponha do esforço gerado. Isso significa que só podemos executar o mesmo tipo de treino com mais de 48h de distância entre os treinos? A resposta é não necessariamente (depende do objetivo da periodização) mas na maioria das vezes, sim.

Fisicamente temos duas abrangências sobre o assunto: a adaptação em relação ao estímulo e a necessidade de descansos mecânicos a cada período de tempo.

O corpo precisa estar adaptado a sobrecarga mecânica gerada. Essa sobrecarga é dependente do tipo de estímulo fisiológico (um trote leve gera uma sobrecarga diferente de um treino de tiro, que gera sobrecarga diferente de um fartlek, que é diferente da sobrecarga de um longo) e portanto o volume e a intensidade estão diretamente ligados ao estresse mecânico nas estruturas (articulações, tendões, ligamentos, musculatura e ossos). A quantidade de treinos semanais, bem como quais serão as sessões devem ser programadas com antecedência para não gerar muita sobrecarga e consequentemente lesões.

Importante lembrar que o excesso de sobrecarga mecânica pode gerar lesões como tendinites, edemas ósseos e em casos extremos, fratura por estresse.

Em resumo, a má programação entre os esforços (fisiológicos) podem gerar um estresse mecânico desnecessário e consequentemente após um período grande de sobrecarga, uma lesão.

Por outro lado, tudo programado de forma equalizada estruturando os tipos de treino, volumes e intensidades, é bem possível correr até 6x por semana (inclusive considerando possíveis dobras de treino - 2 treinos no mesmo dia). Achamos sempre interessante pelo menos 1 dia de off de corrida (onde pode ser incluído um treino de uma modalidade secundária de forma a somar na periodização) principalmente para dar um "respiro" às estruturas físicas e administrar a sobrecarga local, porém como em tudo no treinamento esportivo, depende muito do objetivo a ser alcançado e da periodização desenvolvida.

Procure sempre alguém habilitado para lhe ajudar a isso, e bons treinos!!!


Fábio Targas Gonçalves

CREF: 091562-G/SP

Targas Personal Coach - Assessoria Esportiva

@fabiotargas

@targaspersonalcoach


63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo